Relato de Experiência: A importância da música como ferramenta alternativa para o controle do estresse em pacientes com HAS.

Maria Analia Rosa Oliveira, Isabel CF da Cruz

Resumo


A HAS tem alta prevalência e baixas taxas de controle, sendo considerada um dos principais fatores de risco modificáveis e um problema de saúde pública. A partir do exposto, observa-se a necessidade de criar medidas e propostas de educação em saúde visando proporcionar aos pacientes o emponderamento necessário para promoverem o autocuidado, com isto, torna-se imprescindível que o ensino em saúde ocorra de forma dinâmica, objetiva e construtiva. Assim, a disciplina de Pesquisa e Prática de Ensino III, através de um ambiente virtual de aprendizagem e encontros presenciais programados, propõe a elaboração de uma vídeoaula com foco na música para educação em saúde de pacientes portadores  de Hipertensão Arterial Sistêmica.

Palavras-chave


enfermagem; hipertensão; música

Texto completo:

HTML

Referências


BRASIL. Ministério da Saúde. Hipertensão Arterial Sistêmica. Caderno de Atenção Básica n 15. Brasília. 2006. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/caderno_atencao_basica15.pdf

- Sociedade Brasileira de Cardiologia / Sociedade Brasileira de Hipertensão / Sociedade Brasileira de Nefrologia. VI Diretrizes Brasileiras de Hipertensão. Arquivo Brasileiro de Cardiologia 2010; 95(1 supl.1): 1-51

Disponível em: http://publicacoes.cardiol.br/consenso/2010/Diretriz_hipertensao_associados.pdf

DATASUS [Internet]. Brasília (DF): Ministério da Saúde; 2010 [acesso em 10 de dezembro de 2013]. Disponível em: http://datasus.gov.br

Smeltzer SC; Bare, BG. e mais 50 colaboradores; Brunner e Suddarth. Tratado de Enfermagem Médico – Cirúrgica; [revisão técnica Isabel Cristina Fonseca da Cruz, Ivone Evangelista Cabral, Márcia Tereza Luz Lisboa; Tradução José Eduardo Ferreira Figueiredo]- Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 10 º edição. 2005, vol. 2, cap.30. p.934 – 962.

Bergold LB, Alvim NAT. A música terapêutica como uma tecnologia aplicada ao cuidado e ao ensino de enfermagem. Esc Anna Nery Rev Enferm 2009 jul-set; 13 (3): 537-42. Disponível em http://www.eean.ufrj.br/revista_enf/20093/artigo%2010.pdf

- Leão ER, Silva MJP da. Música e dor crônica músculoesquelética: o potencial evocativo de imagens mentais. Revista Latino-Americana de Enfermagem. Abril 2004 [acesso em 10 de dezembro de 2013] ; 12( 2 ): 235-241. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-11692004000200013&lng=en.

Silva LB, Soares SM, Silva MJP, Santos GC, Fernandes MTO. A utilização da música nas atividades educativas em grupo na Saúde da Família. Revista Latino-Americana de Enfermagem. 2013 [acesso em 03 de outubro de 2013]; 21(2): 632-640. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-11692013000200632&lng=en. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-11692013000200022.

Crossetti MGO, Bittencourt GKGD, Schaurich D, Tanccini T, Antunes M. Estratégias de ensino das habilidades do pensamento crítico na enfermagem. Revista Gaúcha Enfermagem, Porto Alegre (RS) 2009 dezembro [Acesso em 10 de dezembro de 2013];30(4):732-41. Disponível em: http://www.seer.ufrgs.br/index.php/RevistaGauchadeEnfermagem/article/view/11043/7579

Holanda VR de, Pinheiro AKB, Pagliuca LMF. Aprendizagem na educação online: análise de conceito. Revista brasileira de enfermagem. [Internet]. 2013 Junho [Acesso em 10 de dezembro de 2013]; 66( 3 ): 406-411. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-71672013000300016&lng=en. http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71672013000300016.

Bergold LB, Alvim NAT. Musical visitation: therapeutic strategy based on theory of transpersonal caring. Online brazilian journal nursing [Internet]. 2008 Março [Acesso em 10 de dezembro de 2013]; 7 (1): . Disponível em:http://www.objnursing.uff.br/index.php/nursing/article/view/1469. doi: http://dx.doi.org/10.5935/1676-4285.20081469


Apontamentos

  • Não há apontamentos.

Comentários sobre o artigo