African-Brazilian Ethny: A Study Related to Arterial Hypertension and Cardiac Risk Factors

Isabel CF da Cruz, Roberta de Lima

Abstract


The prevalence and the adverse effects of arterial hypertension and cardiac risk factors are highly prevalent among the black ethny. The purpose of this study was to investigate hypertension and cardiac risk factors among African-Brazilians. The data was obtained by a questionnaire and the measurement of blood pressure. The population was comprised of 79 subjects employed in the nursing service at a University Hospital, 79.8% females and 60,7% with ages 18 a 35 years. The results reveal that stress, obesity, sedentarism, and the use of salt are significantly present in the population. Hypertension stage I is present in 12.6% of the subjects. The study concluded that African-Brasilian are susceptible to the adverses effects of cardiac risk factors related to obesity, sedentarism and salt ingestion and hypertension. Recommendations suggest counselling, education and health promotion programs to help individuals to prevent and control the cardiac risk factors and hypertension.

Keywords


African-brazilian; Cardiac Risk Factors, Health Promotion

Full Text:

HTML

References


- ASSARI, M.M. et al. Prevalência da hipertensão arterial na população do Jardim Bandeirantes - Londrina - PR. Semina, v.15, ed. especial, p. 22-5, 1994.

- BARRETO, N.D.M. et al. Prevalência da hipertensão arterial nos indivíduos de raça negra. Arquivos Brasileiros de Medicina, v. 67, n. 6, p. 449-51, 1993.

- BRAGA, C.C. et al. Perfil dos pacientes hipertensos atendidos no posto de saúde do Jardim Santiago - Londrina-PR. Semina, Londrina, v. 15 ed. especial, p.11-6, 1994.

- BRAGA, F.L.M.; COVELLO, C.M. Follow-up como modalidade da assistência de enfermagem ao hipertenso. Revista Brasileira de Enfermagem, v.47, n.2, p.165-77, 1994.

- BRASIL, Ministério da Saúde, Normas Técnicas para o Programa Nacional de Educação e Controle da Hipertensão Arterial. (PNECHA). Brasília, 1988.

- BRAY, M.L.; EDWARDS, L.H. Prevalence of hypertension risk factors among hispanic americans. Public Health Nursing, v.8, n.4, p.276-80, 1991

- COLOMBO, R.C.R. et al. Estilo de vida e fatores de risco em paciente com o primeiro episódio de infarto agudo do miocárdio. Rev. Lat. Americana de. Enfermagem., v.5, n.2, p. 69-82, 1997.

- CRUZ, I.C.F.da; Consulta de enfermagem ao cliente hipertenso. Rio de Janeiro, 90p., 1988. Dissertação (Mestrado em Enfermagem Médico-Cirúrgica), Escola de Enfermagem Ana Néri, Universidade Federal do Rio de Janeiro, 1988.

- ____________ Diagnóstico de enfermagem: estratégia para sua formação e validação. São Paulo, 1993. 195 f. Tese (Doutorado em Enfermagem) – Universidade de São Paulo. (a).

-____________ O cliente vivendo com Hipertensão Arterial Essencial: diagnósticos e prescrições na consulta de enfermagem. Niterói, 1994. 177p. Tese (Professor Titular) - Escola de Enfermagem, Universidade Federal Fluminense. (b).

-____________ O negro brasileiro e a saúde: ontem, hoje e amanhã. Rev. Esc.Enf.USP; v. 27, n. 3, p. 317-27, 1993.

-CRUZ, I.C.F.da; et al. O Cliente/Família com Hipertensão Arterial Essencial: considerações sobre o diagnóstico e tratamento de enfermagem na consulta. Rev. Enf. UERJ, v.3, n.1, p.71-6, 1995 (Nota prévia).

-CRUZ, I.C.F.da; SOBRAL,V.; PENA, A.A. Histórias do esquecimento brasileiro: considerações sobre os fatores de risco da hipertensão arterial em negros. Niterói, NESEN - Núcleo de Estudos sobre Saúde e Etnia Negra, 1996 /mimeografado/.

-CUDDY, R. P. Hypertension - Keeping Dangerous. Nursing, n.08, p. 34-41, 1995.

-GRASSIOTTO, O. R.; BACHA, A. M. Anticoncepção para mulher hipertensa. Femina, v.23, n.1, p.13-22, 1995.

-JARDIM, P.C.B.V; et al. Pressão arterial em comunidade negra isolada remanescente de quilombo - norte de Goiás - Kalunga, Arq. Bras. Cardiol., v.58, n. 4, p.289-93, 1992.

-KELLER,C. Coronary Artery disease in blacks.J. Cardiovasc. Nurs, v.4, n.4, p.1-12, 1990.

-MARTINS, L.M. et al. Qualidade de vida de pessoas com doença crônica. Rev. Lat.Am. Enf., v.4, n.3, p. 5-18, 1996.

-McABEE, R. Primary prevention of hipertension. AAOHN Journal, v.2, n.6, p.306-12, 1995.

-PENICHE, A.C.G.; ARCURI, E.A.M. Medida indireta da pressão arterial em função da largura do manguito, em pacientes nas fases pré-operatória imediata, recepção no

centro cirúrgico e pós-anestésica. Rev. Esc. Enf. USP, v.26, n.2, p.243-56, 1992.

-PEREIRA, H. L.; Ansiedade nos enfermeiros: um problema do ensino e da prática profissional. Enfermagem em Foco, n. 21, p. 33-7, 1996.

-PURATH,J. et al. Cardiac risk evaluation for elementary school children. Public Health Nursing, v. 12, n.3, p.189-95, 1995.

-SPECTOR, R.E. - Cultural Diversity In: POTTER, P.A.; PERRY, A.G. Fundamentals of Nursing: Concepts, Process and Practice, 4th ed, Mosby, 1996, p. 351-69.

-QUINTÃO, H. M. P. Hipertensão arterial e exame periódico: um estudo em funcionários do Touring Club do Brasil, Niterói: Ed. UFF, 1991.

-SALAZAR, M. K. Dealing with hipertension. AAOHN Journal, v. 43, n.6, p.313-18, 1995.

-TAKAMATSU, A. et al. Situação dos hipertensos do posto de saúde do Conjunto Cafezal - Londrina-PR. Semina, Londrina, v.15, ed. especial, p. 17-21, 1994.

-YOUNG, J. M. The fifth report of the Joint National Committee on Detection, Evaluation, and Treatment of High Blood Pressure. AAOHN Journal, v. 43, n.6, p. 301-5, 1995.






JSNCARE
Share |